Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O sal da história

Crónicas da história. Aventuras, curiosidades, insólitos, ligações improváveis... Heróis, vilões, vítimas e cidadãos comuns, aqui transformados em protagonistas de outros tempos.

O sal da história

Crónicas da história. Aventuras, curiosidades, insólitos, ligações improváveis... Heróis, vilões, vítimas e cidadãos comuns, aqui transformados em protagonistas de outros tempos.

(8) Instantâneos: quando o Sado galgava as margens

PT_AHMALCS_CMALCS_BFS_01_01_05_008.tif 

PT_AHMALCS_CMALCS_BFS_01_01_05_009.tif

 Em ano de seca extrema, custa imaginar que, noutros invernos, o Sado corresse com tamanha força que inundasse toda a lezíria, aumentando tanto de nível na preia-mar, que nem mesmo as ruas da então vila de Alcácer do Sal estavam a salvo das suas águas. As imagens são de diferentes dias e até anos, pela década de 40 do Século XX e mostram uma realidade de que alguns ainda se recordarão.

Do Cabo da Vila (a montante), ao Cabo de São Pedro (a jusante), as ruas da zona baixa desta localidade alentejana apresentavam um espetáculo ímpar, onde a água imperava, para gaudio da criançada, que aqui se vê a chapinhar numa área muito próxima da praça Pedro Nunes.

 

Os mais velhos, por brincadeira ou necessidade, fazem passar um saveiro em plena rua “Direita”, na época, a mais movimentada e comercial artéria de Alcácer do Sal, sob o olhar curioso das senhoras, reféns dos pisos superiores das habitações.

pt_ahmalcs_cmalcs_fotografias_01_05_009.jpg

O cenário de cheia continua na avenida dos Aviadores, área mais recente, onde então se erguiam os primeiros edifícios, com destaque para o velhinho e já desocupado quartel dos Bombeiros Voluntários de Alcácer do Sal, ali erigido em 1939, ou as antigas vivendas e casas dos magistrados, hoje desaparecidas.

 

 

 

 

 

 

Fontes:

Arquivo Histórico Municipal de Alcácer do Sal

PT/AHMALCS/CMALCS/FOTOGRAFIAS/01/05/009

PT/AHMALCS/CMALCS/BFS/01/01/05/008

PT/AHMALCS/CMALCS/BFS/01/01/05/009

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.